RECEBER BEM, O RITUAL E A ARTE JÁ ESTÃO NO BRASIL

 
 
Decorar com flores, dar requinte e conforto para seus convidados, qual o melhor dia? Hora? Almoço ou Jantar? Montar a mesa com o melhor dos pratos, talheres, copos modernos de cristais para vinho e água, guardanapos de linho, dois a três dias de preocupação e cuidados com o que servir, quem irá servir? Quem será que vai cozinhar? Quem será o chef?

O brasileiro está entre os mais receptivos e acolhedores povos do mundo, até é classificado entre os 10 que melhor recebe em suas casas. Os almoços e jantares são sempre quentes, charmosos e carinhosos.

Porque não nos sofisticamos e buscamos seguir um ritual conhecido como “perfeito” no mundo da eno-gastronomia.

Vocês vão ver agora como combinar melhor todo o ritual anterior com a arte de servir bons vinhos.

Às vezes as pessoas evitam este tema, pois acham que vão gastar demais, minha intenção é que todos tenham acesso a estes momentos dentro do custo possível de cada um e saiam da mesmice, oferecendo almoços, jantares ou festas sem nenhum charme no serviço, na comida, no vinho ou nos copos.

Todo almoço ou jantar é muito parecido, é muito importante seguir as tradições seculares, harmonizando o prato e o vinho pelo seu encorpamento.

– Receba a porta com a mais espiritual e alegre das bebidas = O champagne, com appetizers e delicadezas gastronômicas.

– Busque servir o primeiro prato leve, como peixes, frutos do mar, carnes brancas, etc, e combine com um bom vinho branco seco.

– No prato principal, sirva algo mais encorpado, caças, pastas ou carnes diversas, ao molho com mais personalidade e combine com o que você puder servir de melhor em vinhos tintos.

– Na sobremesa, nunca esqueça de servir um vinho doce, branco ou tinto combinando com o tipo da sobremesa, exemplos: os vinhos brancos doces são para as sobremesas mais delicadas, os tintos acompanham melhor as sobremesas a base de chocolate (O Porto).

O básico é isto, mas existem algumas diferentes formas de servir, como receber com um bom vinho do porto. Na entrada servir um doce Sauternes com foie gras, vinhos doces com queijos fortes, vinhos tintos com queijos leves e até bebericar um vinho doce após o café, junto com o charuto. Cuidado! Se você for receber apreciadores de charuto, prepare o ambiente para tal e também não se esqueça de trocar os copos adequados para cada vinho, este ritual é um dos mais sofisticados.

(Lopes, O Homem do vinho)

Fonte: www.terroirvinhos.com.br

Published in: on novembro 30, 2008 at 10:57 pm  Deixe um comentário  

COMO ARRUMAR A MESA? CONFIRA AS DICAS PARA SEU JANTAR SER INFALÍVEL!

1. Copos e taças: Na figura ao lado existem 3 taças de tamanhos diferentes: a maior, mais próxima do prato, para água. A segunda maior, acima da taça para água, para vinho tinto e a menor, para vinho branco.
2. Os talheres devem ser colocados na ordem de utilização: de fora para dentro, ou seja, os talheres mais afastados do prato serão utilizados primeiro, e assim por diante.
3. Os talheres devem ser alinhados pelo cabo numa linha reta com a ponta inferior do prato, que por sua vez estará distante uma polegada da linha da mesa. OBS: As lâminas das facas devem sempre estar voltadas para a esquerda, ou seja, para o prato.
4. O prato lateral, para pães, manteiga, patés, etc. sempre estará guarnecido com uma pequena faca.
5. Disponha os talheres de sobremesa acima do prato maior, sempre como na figura, também para não congestionar a mesa.
6. O prato lateral, os talheres de sobremesa e os copos/taças deverão estar perfeitamente alinhados, como na figura.

Fonte: www.cristinalumertz.blogspot.com

 

Published in: on novembro 30, 2008 at 10:20 pm  Deixe um comentário  

Servindo Bebidas

 Hoje em dia, existe muita informalidade quanto ao uso de bebidas à mesa, porém alguns ítens são básicos e facilmente observáveis:
 
Limpe cuidadosamente o gargalo das garrafas com um pano úmido, porém deixe para abrí-las à mesa (exceto vinho tinto).
 
O vinho tinto deve ser servido em jarras e numa temperatura suave. É o que se chama decantar o vinho : passar de uma garrafa para outra, a fim de expô-lo.
 
Vinho branco deve ser servido na própria garrafa, levemente gelado. Acompanha: frutos do mar, aves e massas e, hoje, é grandemente usado para aperitivos.
 
Os vinhos doces e ou licores nunca devem ser gelados. Em uma refeição os licores são servidos depois do café.
 
Segure sempre a garrafa pelo gargalo ao derramar-lhe o conteúdo nos copos e, nunca, pelo seu bojo.
 
Nunca encha um copo até a boca. Copos de vinho tinto devem ser servidos até 2/3 e de vinho branco, apenas até a metade. Os refrigerantes e água também devem ser servidos até ¾ do copo. A única bebida que permite copo cheio é a cerveja.

fonte: www.dako.com.br

Published in: on novembro 29, 2008 at 4:46 pm  Deixe um comentário